::.. CARNAVAL 1998 - G.R.C.E.S. FOLHA AZUL DOS MARUJOS................................
FICHA TÉCNICA
Data:  23/02/1998
Ordem de entrada:  1
Enredo:  O Encanto do Arco-Íris
Carnavalesco:  não consta
Grupo:  2
Classificação:  10º
Pontuação Total:  35,0
Nº de Componentes:  não consta
Nº de Alegorias :  ,
Nº de Alas :  não consta
Presidente:  não consta
Diretor de Carnaval:  não consta
Diretoria de Harmonia:  não consta
Mestre de Bateria:  não consta
Intérprete:  não consta
Coreógrafo da Comissão de Frente:  não consta
Rainha de Bateria:  não consta
Mestre-Sala:  não consta
Porta-bandeira:  não consta
SAMBA-DE-ENREDO

UNIDOS DE VILA MARIA
COMPOSITORES: JOÃOZINHO/ DEMA/ NENÊ

 

BRILHOU, BRILHOU, O ARCO-ÍRIS BRILHOU

SEU ENCANTO É POESIA

NESTA FESTA DE AMOR

 

HOJE A FOLHA AZUL DOS MARUJOS

TRAZ PARA ESSE CARNAVAL

O ENCANTO DO ARCO-ÍRIS

DOS TEMPOS ATUAIS

 

NA MITOLOGIA GREGA

ERA BELEZA E PONTE DE COMUNICAÇÃO

ENTRE ZEUS O SUPREMO E O DEUS TROVÃO

MARTELO DE PEDRA, GIGANTE E SERPENTE

FADAS E DUENDES, RISCAM O DESTINO DE SUA GENTE

 

NO FINAL DO ARCO-ÍRIS TEM UM POTE DE OURO

É FOLHA AZUL MINHA ESCOLA, MEU TESOURO

 

DA MÃE ÁFRICA SURGIU OXUMARÉ

COLORINDO CÉU DE RARO ESPLENDOR

AXÉ NANÃ ÔÔÔ, ATOTÔ OBALUAÊ

NA CASCATA MULTICOR DÁ GOSTO DE SE VER.

 

SINOPSE DO ENREDO
O Grêmio Recreativo
Autora: Simone S. Ignácio

 

APRESENTAÇÃO

O G.R.C. Escola de Samba Folha Azul dos Marujos, traz para este carnaval, a lenda que desde os tempos idos, encanta os povos do mundo inteiro.

Vindo da Mitologia Grega até os nossos tempos, a Folha Azul faz esta função, colocando na avenida um Carnaval rico, belo e com muito brilho para encher os olhos do espectador mais exigente.

1ª FASE

Asgard, vasto local de repouso da raça dos Ases, situado no céu, mas ligado à Terra pelo Bifrast ou, Arco-íris direto do Palácio de Bishirne, onde habitava Tor.

Tor utilizava o Arco-íris como ponte por onde passava para comunicar-se com seu pai, Zeus o senhor supremo.

Tor deidade mitológica considerada pelos escandinavos como Deus do Trovão, possuía um conto mágico chamado de Medindard que lhe duplicava as energias.

Sempre armado de um Miolni, um pesado martelo de pedra, lutou contra serpente Midgard, a quem atribuíam as tempestades marítmas. Lutou também contra o gigante Thiyn que lhe roubara o martelo.

Casado com Iarnsaxa, Tor teve dois filhos Modi a coragem e Magni a força.

2ª FASE

No final do arco-íris existe um pote de ouro diz a crença européia.

Vindos da Mitologia Grega as Náiades e os Faunos tem na Europa como seus correspondentes as fadas e os duendes, termo empregado para designar seres fantásticos, sobrenaturais do sexo masculino e feminino.

As fadas e os duendes, fazem parte da cultura de todos os povos, para os quais influíram magicamente nos acontecimentos humanos. Suas presenças foram dadas como ocorrentes nos bosques, nas fontes e florestas, concluindo-se por esse fato, sua procedência paga.

Na Europa, na Idade Média e épocas posteriores esses seres se apresentavam mais ou menos cristianizados.

As fadas e duendes em seu aspecto exterior, tem sua nuanças dos vestuários dos santos e anjos. São pintados sempre com feições bondosas, e por vezes aparecem em dimensões humanas. Tem grande habilidade para tecer e fiar, de onde teve origem a expressão popular mãos de fadas. Conte-se que este fato se deve a tradição de que as fadas só andavam em grupo de três, e eram conhecidas como Dominae Fatales ou Senhoras Fatais.

Em toda a Europa acredita-se que os duendes e as fadas são os guardiões de um pote de ouro escondido na floresta onde termina um arco-íris.

3ª FASE

No Brasil muito se vê de arco-íris, e pouco se fala da ligação do céu, a terra, ou de um pote de ouro no fim do arco-íris.

Temos lendas vindas de outras culturas, que foram por nós adotadas.

De cunho religioso vem a maior ligação do povo brasileiro com o encanto do arco-íris.

Do culto afro-brasileiro, surge Oxumaré, apresentando-se como uma serpente possuidora de várias cores. Filho de Nanã e irmão de Obaluaê, este orixá é representado também por um arco-íris. Assim, por intermédio da cultura afro, passamos a ter um apego a brasileira pelo fenômeno arco-íris que tanto nos encanta.

Arco-íris, fenômeno que consiste num arco espectral, causado pela divisão e dispersão dos raios de luz no qual as gotas d'água de chuva, se comportaram como prismas.

Seja em qualquer parte do mundo, quando vemos um arco-íris enfeitando os céus, nos esquecemos totalmente das explicações científicas, nos entregamos a seu encanto.

Um dos locais com maior concentração desse fenômeno no Brasil, é Foz do Iguaçu, onde além da formação de arco-íris, turistas de todas as partes podem apreciar uma das maiores maravilhas do Brasil, que são suas cascatas.

 

FANTASIAS


No h contedo para este opo.



MAIS INFORMAÇÕES SOBRE G.R.C.E.S. FOLHA AZUL DOS MARUJOS
HISTÓRIA | CARNAVAIS | HINO | CURIOSIDADES

 


:: SASP - SOCIEDADE DOS AMANTES DO SAMBA PAULISTA ::
WWW.CARNAVALPAULISTANO.COM.BR
SASP - UMA ENTIDADE COM DIFERENCIAL !!

Copyright ©2000-2016 | Todos os Direitos Reservados