::.. CARNAVAL 1995 - G.R.C.E.S. VERA CRUZ................................
FICHA TÉCNICA
Data:  26/02/1995
Ordem de entrada:  7
Enredo:  O Ouro Que Se Come
Carnavalesco:  não consta
Grupo:  Acesso de Bairros 1
Classificação:  4º
Pontuação Total:  171,0
Nº de Componentes:  não consta
Nº de Alegorias :  ,
Nº de Alas :  não consta
Presidente:  não consta
Diretor de Carnaval:  não consta
Diretoria de Harmonia:  não consta
Mestre de Bateria:  não consta
Intérprete:  não consta
Coreógrafo da Comissão de Frente:  não consta
Rainha de Bateria:  não consta
Mestre-Sala:  não consta
Porta-bandeira:  não consta
SAMBA-DE-ENREDO

UNIDOS DE VILA MARIA
COMPOSITOR: XIXA

 

EM AZUL E BRANCO O BICHO VAI PEGAR

HOJE UM GRÃO NOS CONDUZ

AGRADECENDO A VOCÊ MEU SENHOR

VEM CHEGANDO A VERA CRUZ

 

MEU AMOR

VEM QUE EU ESTOU SORRINDO

A VERA CRUZ RESGATOU DO PASSADO

A NOSSA HISTÓRIA DO MILHO

DEPOIS DA DESCOBERTA DO BRASIL

SE TORNOU SUCESSO INTERNACIONAL

CORREU O MUNDO INTEIRO

PRA VIR SABOREAR O CARNAVAL

 

INCRÍVEL, FANTÁSTICO

ESTÁ NA MEDICINA, NA RELIGIÃO

FAZ PARTE DA ARTE CULINÁRIA, VOCÊ É O PÃO

ALMOÇO, JANTAR, SOBREMESA

TESOURO DE MESA, NINGUÉM PASSA FOME

 

POR ISSO VAMOS FESTEJAR ÔÔÔ

MILHO É OURO QUE SE COME.

 

SINOPSE DO ENREDO
O Grêmio Recreativo
Autor:

 

Quando da descoberta do Brasil, o milho foi o primeiro produto da Vera Cruz a fazer sucesso na Europa. Dom Manuel, o Rei de Portugal o consagrou, "muito superior às ervilhas mais finas", era o "ouro na mesa".

De lá pra cá o milho invadiu as casas, os barracos, as fazendas, as histórias, as festas, os campos, os vales e a mesa.

É o milho em todo lugar.

O amarelo virou dinheiro na boca do povo, deu forma ao periquito enquanto o papagaio comia. É catado na máquina de escrever e na lavoura é parte do espantalho de palha, aonde os pássaros não pousam.

Visconde de Sabugosa?

Anda no carro de boi, entra no forno caipira, é socado no pilão, sovado no manjolo e na gamela é mostrado.

Do milharal saiu a Festa Junina, a cidade de milho, o rancho da pamonha, a selecta de milho e a maizena e sua taba de índios.

Correu o mundo e virou rei.

O milho é comida para todos. Homens, mulheres, crianças, aves e animais. Torta para gado, quirera para pintinhos, milho para galinhas, torta de milho, canjica, bolo de milho verde, espiga cozida, mungunzá, angu, pipoca, fubá, cuscuz, farinha, pamonha, óleo, farofa, mel, etc.

O milho está na cozinha, na religião, nas artes, ciências, remédios e outros.

Enfim, vale a pena mostrar o milho, que hoje vai entrar na passarela e mostrar que não é quirera.

 

FANTASIAS


No h contedo para este opo.



MAIS INFORMAÇÕES SOBRE G.R.C.E.S. VERA CRUZ
HISTÓRIA | CARNAVAIS | HINO | CURIOSIDADES

 


:: SASP - SOCIEDADE DOS AMANTES DO SAMBA PAULISTA ::
WWW.CARNAVALPAULISTANO.COM.BR
SASP - UMA ENTIDADE COM DIFERENCIAL !!

Copyright ©2000-2016 | Todos os Direitos Reservados